Pinhão na França

Desta vez meus pinhões foram para uma amiga francesa. Usei o tecido serigrafado para fazer uma cestinha. Emma se preocupa com os problemas ligados à natureza, fala muito da Amazônia mas desconhece outros ecossistemas brasileiros que também estão em perigo, então eu achei que ela seria perfeita para esta minha primeira, talvez utópica, talvez ingênua missão de despertar a atenção de todos sobre o eminente desaparecimento deste nosso patrimônio que é a Araucária angustifolia e por consequência todo um ecossistema chamado floresta ombrófila mista.

Cestinha com a etiquetinha.

cachepo-serigrafia-pinhao1

 

Cartãozinho de aniversário com pinhões serigrafados.

 

Despachando para a França.

sedex-cachepo-serigrafia-pinhao

 

Chegando um pouquinho amassado na França.

Usei o papel serigrafado MON Araucária para encapar a caixinha.

Foto – Emmanuelle

sedex-cachepo-serigrafia-pinhao1

 

Conhecendo um pouquinho a Emma eu sabia que ela iria escolher usar a cestinha como cachepo.

Foto – Emmanuelle

cachepo-serigrafia-pinhao

Pinhão na Dinamarca

Esta foi a primeira viagem do meu pinhão. Ele foi para a Dinamarca para acalentar o coração de uma amiga curitibana que há anos mora em Copenhague. Como eu falo aqui, ele faz parte da memória afetiva de quem é do sul do Brasil e poder tê-lo por perto na hora que a saudade aperta ajuda a acalmar o coração.

Foto – Adriana

pinhao-dinamarca

Shibori

Antes de viajar para o Japão procurei informações sobre a técnica de tingimento de tecido chamada Shibori. Li vários artigos até descobrir o Shibori Kaikan (museu do shibori), na cidade de Arimatsu perto de Nagoya. Como eu poderia deixar de ir fazer um workshop neste museu? Posso dizer que só a aventura de ter conseguido chegar até lá já foi um aprendizado em si só. Fiz o workshop de shibori na camiseta com uma das senhoras que são especialistas na técnica mas mesmo ela sendo uma especialista, uma vez as costuras e amarrações feitas, tínhamos que mostrar para a Sensei (Significa vida prévia, ou aquele que veio antes. No contexto oriental quer dizer que se está ante uma pessoa com conhecimento avançado da arte e um nível de conhecimento humano elevado) para ver se tudo estava certo. Logicamente não se pode aprender uma técnica destas em duas horas de workshop e ainda por cima sem poder se comunicar com a mestre porque a única maneira de conseguir seria em japonês, mesmo assim, esta foi uma experiência inesquecível e enriquecedora.

Shibori Kaikan

Arimatsu-Shibori_Kaikan

Sensei Suzue Nakashima

sensei-shibori-kaikan

Abaixo meu workshop com a professora Sumie Fujiwara. Vocês devem estar pensando no por quê de não ser eu mas a professora nas fotos, pois bem, a professora não conseguia tirar fotos com o celular, de todas que ela tirou só deu pra aproveitar uma mas não podemos culpar estas mãos mágicas que fazem um shibori tão maravilhoso há anos de não serem hábeis com a nova tecnologia, não concordam?

O tingimento era feito em outro lugar portanto esta parte eu não tive a oportunidade de conhecer. Recebi a camiseta no Brasil uns três meses depois de fazer o workshop.

Vi alguns tecidos no museu expostos como quadros e quis fazer o mesmo com o meu.

Eu não desperdicei a camiseta, minha mãe substituiu a parte que foi cortada por um outro tecido, que por sinal ficou ótimo, e está usando ela por aí.

Colagem digital feita no Photoshop.

 

Japão - mood board

Viagens para mim são fontes preciosas de inspiração porque nos tiram da rotina, nos mostram outras maneiras de viver e nos fazem refletir sobre muita coisa. Já conheci, já morei em outros países mas posso garantir a vocês que quando se vai ao Japão, deixa-se a Terra e vai-se para outro planeta. Todas as referências, o que era tido por certo, tudo que se acredita saber, no Japão perde o sentido e você é forçado a reaprender cada gesto do cotidiano, então, posso dizer que esta viagem ao planeta Japão foi extremamente inspiradora. Como aqui no blog o assunto principal é desenho, vamos ver um pouco do que encontrei desenhado por lá e que serviu de inspiração para algumas das coisas que vocês vão ver por aqui.

Abaixo uma pequena amostra, mood board Japão, do que chamou minha atenção pelas cores, formas, uso, etc.

objetos-japao